Menu
Global

Igreja doa mais de 4 milhões de dólares para ajudar Índia a combater pandemia

Uma paciente com COVID-19 respirando com auxílio de oxigênio é levada para o Hospital Geral Rajiv Gandhi em Chennai, Índia, na segunda-feira, dia 17 de maio de 2021. Crédito: R. Parthibhan, Associated Press
Nesta foto do dia 8 de maio de 2021, indianos esperam para recarregarem cilindros de oxigênio para pacientes com COVID-19 em uma distribuidora de gases em Nova Déli, Índia. A capital do país, Nova Déli, tem observado alguma melhoria na luta contra o coron Crédito: Ishant Chauban, Associated Press
Kits de alimentos doados pela Igreja foram distribuídos aos trabalhadores migrantes em Vidarbha na Índia central. Crédito: Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias
Na parte norte da cidade de Vidarbha, estado de Maharashtra, na Índia central, kits de alimento foram distribuídos aos trabalhadores migrantes impactados pela falta de trabalho, devido ao confinamento em Maharashtra. A parceria entre a Sociedade Indiana d Crédito: Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias
Concentradores de oxigênio, ventiladores e outros equipamentos médicos somando um total de US$ 4,15 milhões estão sendo doados pela Igreja por toda a Índia para aliviar o sofrimento de profissionais de saúde na linha de frente, pacientes e trabalhadores m Crédito: Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias
Uma enfermeira cuida de uma paciente em um centro de saúde gratuito operado por uma organização voluntária Sikh em Ghaziabad, arredores de Nova Déli, Índia, na segunda-feira, dia 17 de maio de 2021. (AP Photo/Amit Sharma). Crédito: Amit Sharma, Associated Press
Da esquerda para a direita, Tim Williams, assistente de armazém da Medisys, Ray Fredericks, diretor-assistente da Medisys, Dr. Abhu Kaur com a Khalsa Aid USA, uma organização humanitária global, e Michael Stack, representante de contas de serviços de saúd Crédito: Jessie Wardarski, Associated Press

Na segunda-feira, dia 17 de maio, a Igreja anunciou seus esforços em parceria com organizações humanitárias para ajudar a proporcionar algum alívio ao impacto da COVID-19 na Índia, onde uma onda contínua do vírus tem causado a perda de milhares de vidas.

Uma doação de $4,15 milhões de dólares está sendo usada para a obtenção de concentradores de oxigênio, ventiladores e outros equipamentos médicos. Os itens doados estão sendo usados em toda a nação asiática para aliviar a carga pesada carregada por profissionais de saúde na linha de frente, pacientes e trabalhadores migrantes deslocados, de acordo com um boletim da Sala de Imprensa.

“Oferecemos nossa solidariedade a todas as pessoas que estão sofrendo e aos profissionais de saúde nas linhas de frente que dedicam suas vidas ao combate desta batalha com todos” disse Élder John Gutty, Sententa de Área. Esperamos que a contribuição da Igreja possa lhes proporcionar algum alívio durante este momento crítico.”

A Igreja está trabalhando em parceria com as organizações humanitárias Project Hope, CARE, ADRA e Catholic Relief Services para ajudar a distribuir a doação na Índia.

Kits de alimentos doados pela Igreja foram distribuídos aos trabalhadores migrantes em Vidarbha na Índia central.
Kits de alimentos doados pela Igreja foram distribuídos aos trabalhadores migrantes em Vidarbha na Índia central. | Crédito: Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias

A Igreja também tem trabalhado com o ministério da saúde em Nova Déli e o departamento de saúde do estado de Telangana pela mesma causa. Todos os envolvidos estão trabalhando juntos para enviar suprimentos necessários a hospitais em estados fortemente afetados, como Nova Déli, Maharashtra e Karnataka, informou a Sala de Imprensa.

Élder Gutty enfatizou a importância de trabalhar com parceiros globais e locais ou autoridades civis para superar os desafios de entrega e pedidos sob controle durante os confinamentos causados ​​pela pandemia em algumas regiões do país.

Na parte norte da cidade de Vidarbha, estado de Maharashtra, na Índia central, kits de alimento doados pela Igreja foram distribuídos aos trabalhadores migrantes impactados pela falta de trabalho, devido ao confinamento em Maharashtra. A parceria entre a Sociedade Indiana da Igreja e o Conselho Nacional de Igrejas na Índia também incluiu a doação de leitos hospitalares em Bangalore. 

Mais contribuições chegarão nas próximas semanas, informou a Sala de Imprensa.

“Ao estendermos nosso coração e nossas mãos para suprirmos as necessidades temporais àqueles que estão sofrendo, oramos para que esta assistência também possa lhes proporcionar algum conforto emocional”, disse Élder Gutty.

A Índia possui aproximadamente 14.500 membros, quatro estacas e duas missões. Em dezembro do ano passado, a Igreja realizou a abertura de terra para o Templo de Bangalore Índia, que será o primeiro templo santo dos últimos dias na segunda mais populosa nação do mundo.

NEWSLETTER
Receba destaques do Church News entregues semanalmente na sua caixa de entrada grátis. Digite seu endereço de e-mail abaixo.

Com sua habilidade de entrar em lugares que outros não conseguiam, Marcos ganhou o carinhoso apelido de la Pulga, espanhol para ‘A Pulga’. Sua história é a de se estar no lugar certo na hora certa, observa Lloyd Newell em “Música e Palavras de Inspiração” desta semana com o Coro do Tabernáculo na Praça do Templo.

Professores podem agora registrar a frequência às aulas por meio do aplicativo Ferramentas do Membro.

Estes novos presidentes de missão e respectivas companheiras foram chamados a servir pela Primeira Presidência. Eles começarão seu serviço em julho.

A turnê do Coro do Tabernáculo pelas Filipinas começa com jovens apresentando danças tradicionais. Esta é a segunda parada da turnê “Hope” e a primeira vez do coro nas Filipinas.

Neste vídeo do Church News, “O êxodo de Nauvoo”, líderes e membros na histórica Nauvoo, Illinois, homenagearam os primeiros membros da Igreja, enquanto caminhavam cerca de dois quilômetro pela Parley Street, indo até o rio Mississippi.

Membro da Igreja no Alabama, Mary Helen Allred se sente feliz por poder usar o ServirAgora para continuar um legado de serviço