Menu

Santos dos últimos dias na Inglaterra encontram três formas de ajudar refugiados

Membros da Estaca Staines Inglaterra e refugiados jogam futebol no dia 11 de setembro de 2021. A presidente da Sociedade de Socorro da estaca espera realizar outro evento esportivo na primavera. Crédito: Pamela Maytham
Jovens adultos da Estaca Staines Inglaterra jogam vôlei com refugiados no dia 11 de setembro de 2021. A estaca queria encontrar uma maneira de servir aos refugiados que moram em hotéis nos arredores do Aeroporto Internacional de Heathrow e que se encontra Crédito: Pamela Maytham
Uma foto dos kits doados, ou camisetas, do Burnley Football Club na Inglaterra. O presidente da Estaca Staines Inglaterra levou os kits para o evento esportivo da estaca no dia 11 de setembro de 2021, no qual os membros da Igreja jogaram futebol e vôlei c Crédito: Pamela Maytham
Membros da Estaca Staines Inglaterra jogam futebol com jovens adultos refugiados que moram dentro dos limites da estaca, no dia 11 de setembro de 2021. A estaca organizou o evento esportivo com a ajuda do ServirAgora. Crédito: Pamela Maytham
Membros da Estaca St. Albans Inglaterra jogam com seus novos vizinhos refugiados no dia 16 de outubro de 2021 em Stevanage, St Albans, Inglaterra. Alguns dos rapazes não entendiam a língua um do outro, mas mesmo assim disseram que se divertiram jogando ju Crédito: Alle Bruce
A child works on crafts during a party in Stevenage, St Albans, England on Oct. 16, 2021. The St Albans Stake planned a big party for refugee families and Church members to get to know each other. Crédito: Alle Bruce
Members of the St Albans England Stake relief society tie blankets with Syrian women. The stake held a family day on Oct. 16, 2021 in Stevenage, St Albans to get to know the refugee families in the area. Crédito: Alle Bruce
A Magic for Smiles magician puts on a show for refugee families and members of the St Albans England Stake on Oct. 16, 2021. The stake organized a family fun day and around 100 people came. Crédito: Alle Bruce
Um panfleto em inglês e árabe para o Dia de Diversão para Famílias em uma capela de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias em Stevenage, St. Albans, Inglaterra, em outubro de 2021. A Estaca St Albans organizou o evento com a instituição Hert Crédito: Joyce Farnsworth
Voluntários e missionários da Estaca Watford Inglaterra ajudam funcionários da instituição Goods for Good a separarem centenas de peças de roupas doadas em caixas por tamanho e tipo. Os membros da estaca usaram o site do ServirAgora para se inscreverem em Crédito: Andrea James
Membros da Estaca Watford Inglaterra e funcionários da instituição Goods for Good são fotografados com mais sacos de roupas doadas no outono de 2021 [no hemisfério norte]. Membros da Igreja se inscreveram em turnos para ajudar a instituição de caridade a Crédito: Andrea James
Um membro da Estaca Watford Inglaterra trabalha como voluntária em uma instituição de caridade chamada Goods for Good. A instituição precisava de ajuda para separar centenas de roupas, e os membros da Igreja se inscreveram em turnos no outono de 2021 [no Crédito: Andrea James
Um membro da Estaca Watford Inglaterra separa roupas doadas para refugiados na instituição de caridade Goods for Good em setembro de 2021. Crédito: Andrea James

As crises de refugiados dos últimos anos continuam a afetar pessoas de países nos quais permanecer em casa é uma opção perigosa ou instável. Muitos refugiados foram enviados para a Inglaterra, ou chegaram ao país por seu próprio esforço, em busca de uma vida melhor.
Abaixo estão três exemplos das muitas maneiras que os santos dos últimos dias no Reino Unido encontraram para servirem a seus novos vizinhos, à medida que fazem conexões, trabalham em parceria com instituições de caridade e estendem suas mãos com amor. Estas histórias fazem parte de projetos em andamento e eventos recorrentes nestas regiões.

Um dia de esportes com jovens adultos refugiados

Jovens adultos da Estaca Staines Inglaterra jogam vôlei com refugiados no dia 11 de setembro de 2021. A estaca queria encontrar uma maneira de servir aos refugiados que moram em hotéis nos arredores do Aeroporto Internacional de Heathrow e que se encontram dentro dos limites da estaca.
Jovens adultos da Estaca Staines Inglaterra jogam vôlei com refugiados no dia 11 de setembro de 2021. A estaca queria encontrar uma maneira de servir aos refugiados que moram em hotéis nos arredores do Aeroporto Internacional de Heathrow e que se encontram dentro dos limites da estaca. | Crédito: Pamela Maytham

Bater bola em um dia ensolarado pode ajudar as pessoas a levantarem o ânimo, fazerem amizades e criarem recordações. Em setembro de 2021, membros da Igreja e refugiados se reuniram para um dia de esportes. 

“Tivemos alguns juízes, mas na maioria das vezes eles apenas jogaram e foi absolutamente maravilhoso”, disse Pamela Maytham, presidente da Sociedade de Socorro da Estaca Staines Inglaterra. “Francamente, foi uma das melhores maneiras de se passar uma tarde.” 

O evento surgiu depois que alguns jovens adultos solteiros da estaca conversaram sobre o que poderiam fazer no Dia de Serviço de 11 de setembro. Eles queriam servir aos refugiados que moram em hotéis nos arredores do Aeroporto Internacional de Heathrow e que se encontram dentro dos limites da estaca. O grupo decidiu incluir o vôlei e o futebol no evento.

Um dos membros da Igreja havia servido como voluntário para a Care4Calais, uma instituição de caridade britânica que serve a refugiados. Maytham disse que a estaca trabalhou em parceria com a Care4Calais para planejar a atividade esportiva, e Sam Gilstrap, sumo conselheiro e membro do comitê do ServirAgora, publicou o evento no site do ServirAgora.
A Care4Calais convidou os refugiados com quem eles estavam trabalhando, Gilstrap organizou os jogos de futebol, e Maytham ajudou a fornecerem alguma comida. Russell Ball, presidente da estaca, trabalha para o Burnley Football Club e trouxe 160 kits de futebol, ou camisetas, de vários tamanhos.

Maytham disse que os kits foram bem recebidos pelos jovens adultos. “Agora somos todos torcedores do Burnley”, disse ela, rindo.

Uma foto dos kits doados, ou camisetas, do Burnley Football Club na Inglaterra. O presidente da Estaca Staines Inglaterra levou os kits para o evento esportivo da estaca no dia 11 de setembro de 2021, no qual os membros da Igreja jogaram futebol e vôlei com jovens adultos refugiados que moram dentro dos limites de sua estaca.
Uma foto dos kits doados, ou camisetas, do Burnley Football Club na Inglaterra. O presidente da Estaca Staines Inglaterra levou os kits para o evento esportivo da estaca no dia 11 de setembro de 2021, no qual os membros da Igreja jogaram futebol e vôlei com jovens adultos refugiados que moram dentro dos limites de sua estaca. | Crédito: Pamela Maytham

Mais do que um dia divertido com esportes e boa comida, disse Maytham, o evento foi crucial para que eles pudessem se conectar com outras pessoas. Ela descobriu que um dos jovens refugiados tinha um amigo que havia se suicidado, um ou dois meses antes. Alguns deles ficaram presos em quartos de hotel por até dois anos. 

“O tédio é um enorme problema. Eles têm comida e abrigo, mas nada para fazer. E isso nos mostrou o que pode ser feito”, disse Maytham. “Eles ficaram muito felizes por poderem falar de si mesmos serem recebidos como seres humanos normais. Sua nacionalidade não tinha a menor importância, eles estavam apenas jogando futebol.”

O sol brilhou naquele dia, e eles jogaram futebol e vôlei juntos por várias horas. Maytham disse que todos saíram com mais amor no coração por pessoas que não conheciam antes. E eles querem fazer isso novamente.

“As pessoas precisam se engajar no serviço, simplesmente para compreenderem que somos todos filhos de Deus”, disse ela. Independentemente de nossa aparência física, somos todos irmãos e irmãs.”

Dia de diversão para famílias de refugiados

Membros da Estaca St. Albans Inglaterra jogam com seus novos vizinhos refugiados no dia 16 de outubro de 2021 em Stevanage, St Albans, Inglaterra. Alguns dos rapazes não entendiam a língua um do outro, mas mesmo assim disseram que se divertiram jogando juntos.
Membros da Estaca St. Albans Inglaterra jogam com seus novos vizinhos refugiados no dia 16 de outubro de 2021 em Stevanage, St Albans, Inglaterra. Alguns dos rapazes não entendiam a língua um do outro, mas mesmo assim disseram que se divertiram jogando juntos. | Crédito: Alle Bruce

Em um dia de outubro de 2021, uma capela em Stevanage, St. Albans, Inglaterra, brilhou com música, comida, jogos, artesanato e até mesmo um show de mágica. A Estaca St. Albans Inglaterra organizou uma festa para as famílias de refugiados — e uma das organizadoras, Joyce Farnsworth, diz que o evento não poderia ter sido melhor. 

Ela disse que mais de 100 indivíduos compareceram, todos eles refugiados, a maioria sírios e alguns iranianos. A maioria eram famílias de várias cidades dentro do condado. E Farnsworth recebeu muitas mensagens de agradecimento dos participantes durante e após a atividade. 

Samer, um refugiado sírio, disse aos organizadores: “Obrigado por esta bela festa. Foi um belo dia, e nos divertimos muito. As crianças adoraram os jogos mágicos, e a comida estava ótima. Espero que possamos nos encontrar novamente em breve. Obrigado a todos os voluntários que trabalharam para preparar esta festa.” 

Farnsworth é grata pelo evento ter sido muito bem recebido. “Tivemos muita sorte em conseguir realizar esse evento”, disse ela ao Church News, referindo-se aos vários períodos de confinamento devido à COVID-19 na Inglaterra.  

Uma criança faz um artesanato durante uma festa em Stevenage, St Albans, Inglaterra, no dia 16 de outubro de 2021. A Estaca St. Albans planejou uma grande festa para que as famílias de refugiados e membros da Igreja pudessem se conhecer.
Uma criança faz um artesanato durante uma festa em Stevenage, St Albans, Inglaterra, no dia 16 de outubro de 2021. A Estaca St. Albans planejou uma grande festa para que as famílias de refugiados e membros da Igreja pudessem se conhecer. | Crédito: Alle Bruce

Farnsworth, primeira conselheira na presidência da Sociedade de Socorro da Estaca St Albans, fala árabe e serve como voluntária da Herts Welcomes Refugees, uma instituição de caridade local no condado de Hertfordshire, onde a cidade de St. Albans está localizada. Ela também serve no comitê do ServirAgora de sua estaca. Os membros do comitê e da Herts Welcomes Refugees passaram semanas organizando a festa com a ajuda do site do ServirAgora. Eles fizeram panfletos em árabe e inglês para anunciar o Dia de Diversão para Famílias. Os voluntários também prepararam sacolas de festas com pequenos brinquedos e doces para as crianças levarem para casa.

Líderes dos Jovens e da Primária lideraram os adolescentes e as crianças em jogos e atividades de artesanato fora e dentro da capela. Outros membros da Igreja trouxeram jogos de tabuleiro e de cartas para serem jogados no salão cultural. A Sociedade de Socorro fez uma parceria com o Project Linus, que fornece cobertores para crianças carentes. Farnsworth disse que as mulheres inglesas e as refugiadas gostaram de trabalhar juntas no projeto dos cobertores e conversar. E os homens se conheceram enquanto passavam tempo jogando juntos. 

“Foi muito engraçado, havia um inglês e um sírio de mais idade que não falava quase nada de inglês, e eles estavam tentando ensinar um ao outro como jogar um jogo”, disse Farnsworth. “Eu fui até sua mesa e cada um deles me disse: “Por favor, você pode falar com ele? Eu não entendo o que ele está tentando me ensinar.” Ela conseguiu resolver o problema por meio da interpretação. 

Os voluntários ajudaram a servir pizzas na cozinha — mas estas não eram pizzas típicas. O comitê de Farnsworth adquiriu carne e massa halal de um restaurante local, e eles achataram a massa e colocaram a carne temperada por cima para fazerem esfihas. Música árabe também foi tocada no salão cultural. E um mágico da Magic for Smiles, que fala árabe, fez um show para as famílias.

Um mágico da Magic for Smiles faz um show para famílias de refugiados e membros da Estaca St. Albans Inglaterra no dia 16 de outubro de 2021. A estaca organizou um dia de diversão para famílias e cerca de 100 pessoas compareceram ao evento.
Um mágico da Magic for Smiles faz um show para famílias de refugiados e membros da Estaca St. Albans Inglaterra no dia 16 de outubro de 2021. A estaca organizou um dia de diversão para famílias e cerca de 100 pessoas compareceram ao evento. | Crédito: Alle Bruce

“Tocar sua própria música e servir sua própria comida, além de outras coisas desse tipo, era importante para mim. Isso também expôs a cultura aos membros de nossa Igreja. Eles conseguiram ver um pouco da cultura e quem eram essas pessoas”, disse Farnsworth.  

Farnsworth disse que a instituição de caridade Herts Welcomes Refugees também foi grata pelo evento. Ela sentiu que isso trouxe um bom reconhecimento para a Igreja e criou conexões com a comunidade. 

“Eles simplesmente disseram: Uau, que grande festa”, disse Farnsworth. “Ouvi as pessoas dizerem várias vezes que festa foi muito linda, e que foi maravilhoso a Igreja ter feito isso.” 

Farnsworth disse que a estaca organizará outro evento para as famílias no futuro.

Organizar artigos doados para refugiados

Voluntários e missionários da Estaca Watford Inglaterra ajudam funcionários da instituição Goods for Good a separarem centenas de peças de roupas doadas em caixas por tamanho e tipo. Os membros da estaca usaram o site do ServirAgora para se inscreverem em turnos, de setembro de 2021 até o início de 2022.
Voluntários e missionários da Estaca Watford Inglaterra ajudam funcionários da instituição Goods for Good a separarem centenas de peças de roupas doadas em caixas por tamanho e tipo. Os membros da estaca usaram o site do ServirAgora para se inscreverem em turnos, de setembro de 2021 até o início de 2022. | Crédito: Andrea James

Quando Andrea James estava orando em busca de oportunidades de serviço voluntário na região de Watford, Inglaterra, ela encontrou a Goods for Good, uma instituição de caridade britânica, com uma filial em Watford, que recebe artigos doados por lojas e fábricas e os distribui para pessoas necessitadas no Reino Unido.
James é a diretora de comunicações da Estaca Watford Inglaterra e representa o ServirAgora em sua região. Em agosto de 2021, ela enviou uma mensagem por meio do site Goods for Good dizendo que os membros da Igreja estavam interessados em ajudar de qualquer maneira possível. Não demorou muito para que a diretora executiva entrasse em contato com ela, dizendo que a instituição de caridade realmente precisava de ajuda.
Seu pequeno estabelecimento estava sobrecarregado com mais de 200 caixas de roupas doadas. Uma sinagoga local havia arrecadado as roupas para doá-las a Goods for Good, para os refugiados que estavam chegando à Inglaterra no outono passado [no hemisfério norte]. Mas os funcionários da instituição de caridade não estavam conseguindo dar conta de tantas roupas. 

James logo organizou membros de sua estaca para servirem como voluntários. Eles abriram os sacos, separaram as roupas, as dobraram e as colocaram em caixas apropriadas para que fosse fácil encontrá-las durante todo o outono de 2021.

“Vários membros, incluindo missionários de tempo integral, missionários seniores e jovens adultos puderam ajudar”, disse James.
E como os membros da Igreja e os funcionários da Goods for Good trabalharam lado a lado, eles aprenderam muito a respeito uns dos outros. James disse que vários funcionários da instituição de caridade pertencem à mesma sinagoga.

Membros da Estaca Watford Inglaterra e funcionários da instituição Goods for Good são fotografados com mais sacos de roupas doadas no outono de 2021 [no hemisfério norte]. Membros da Igreja se inscreveram em turnos para ajudar a instituição de caridade a separar peças de roupas para refugiados.
Membros da Estaca Watford Inglaterra e funcionários da instituição Goods for Good são fotografados com mais sacos de roupas doadas no outono de 2021 [no hemisfério norte]. Membros da Igreja se inscreveram em turnos para ajudar a instituição de caridade a separar peças de roupas para refugiados. | Crédito: Andrea James

“Muitos membros da Igreja disseram que tiveram conversas realmente interessantes enquanto trabalhavam juntos. Eles encontraram semelhanças e muitas coisas que podem admirar uns nos outros”, disse James.
“Do ponto de vista dos funcionários, eles realmente adoram quando levamos quaisquer de nossos missionários de tempo integral, especialmente se for um grande grupo de jovens americanos”, continuou ela. “Eles amam seu espírito, seu humor e sua disposição de trabalhar sem parar.”

Mesmo depois de organizarem todas essas roupas, a amizade não terminou. Os membros da Igreja continuam a servir como voluntários na Goods for Good sempre que a instituição precisa de mais ajuda. Às vezes, um projeto é publicado no site do ServirAgora; outras vezes, um projeto surge por meio de um telefonema entre os novos amigos.

Em troca, a Goods for Good também ajudou a Estaca Watford com seus outros projetos de serviço. A diretora executiva doou roupas infantis de verão para serem enviadas ao Haiti, após o país ter sido atingido por um terremoto. E ela deu centenas de sacolas esportivas à Estaca Watford, as quais foram preenchidas com presentes de Natal para crianças refugiadas. 

James disse que, à medida que os membros da Igreja se fortalecem na Inglaterra, servem a outras pessoas e fazem essas conexões com a comunidade, a Igreja se torna mais conhecida.

Agora, as pessoas entendem que a Igreja não é apenas algo para o domingo, disse ela: “São estes atos regulares de serviço que resultam no incrível entrelaçamento das pessoas com a cultura do local onde se encontram.”

Um membro da Estaca Watford Inglaterra separa roupas doadas para refugiados na instituição de caridade Goods for Good em setembro de 2021.
Um membro da Estaca Watford Inglaterra separa roupas doadas para refugiados na instituição de caridade Goods for Good em setembro de 2021. | Crédito: Andrea James

NEWSLETTER
Receba destaques do Church News entregues semanalmente na sua caixa de entrada grátis. Digite seu endereço de e-mail abaixo.

Com sua habilidade de entrar em lugares que outros não conseguiam, Marcos ganhou o carinhoso apelido de la Pulga, espanhol para ‘A Pulga’. Sua história é a de se estar no lugar certo na hora certa, observa Lloyd Newell em “Música e Palavras de Inspiração” desta semana com o Coro do Tabernáculo na Praça do Templo.

Professores podem agora registrar a frequência às aulas por meio do aplicativo Ferramentas do Membro.

Estes novos presidentes de missão e respectivas companheiras foram chamados a servir pela Primeira Presidência. Eles começarão seu serviço em julho.

A turnê do Coro do Tabernáculo pelas Filipinas começa com jovens apresentando danças tradicionais. Esta é a segunda parada da turnê “Hope” e a primeira vez do coro nas Filipinas.

Neste vídeo do Church News, “O êxodo de Nauvoo”, líderes e membros na histórica Nauvoo, Illinois, homenagearam os primeiros membros da Igreja, enquanto caminhavam cerca de dois quilômetro pela Parley Street, indo até o rio Mississippi.

Membro da Igreja no Alabama, Mary Helen Allred se sente feliz por poder usar o ServirAgora para continuar um legado de serviço