Menu

A doutrina de Cristo oferece ‘poder para vencer’, diz Élder Peter M. Johnson aos alunos da BYU–Idaho

Aplicar a doutrina de Cristo requer se tornar um aprendiz engajado, guardar convênios e ministrar individualmente, disse Élder Johnson

Depois de dois LCAs lesionados e um tendão de Aquiles rompido, Whitney, uma jogadora de basquete universitário, começou a duvidar de sua fé em Deus.

“As frustrações aconteceram”, relatou seu pai, Élder Peter M. Johnson, Setenta Autoridade Geral, aos alunos e funcionários da BYU–Idaho, durante o devocional de terça-feira, 14 de março. “Questões de fé começaram a ser expressas: ‘Como o Pai Celestial pode fazer isso comigo? Tenho procurado guardar todos os Seus mandamentos, inclusive honrar o Dia do Senhor. ... Por que o Senhor fez isto comigo?’”

Whitney aceitou um emprego em uma cidade sem muitos santos dos últimos dias e estava determinada a não frequentar a Igreja. Mas, certo domingo, os membros da presidência da estaca se reuniram e decidiram estender a Whitney o chamado de professora do Seminário. Ela aceitou relutantemente.

Sua primeira semana de aula foi um desastre. Mas depois de se sentir uma fracassada e uma impostora, um pensamento lhe veio à mente: “Se vou ensinar esses jovens sobre Deus e a terem fé em Jesus Cristo, preciso determinar onde minha fé está.”

Ela se esforçou mais no estudo das escrituras, na oração diária e no cumprimento de seus convênios. Ao fazer isso, “os sentimentos do amor de Deus por ela voltaram e seu amor por Deus foi renovado.”

“O Senhor não a abandonou”, testificou Élder Johnson. “Estes desafios ofereceram uma oportunidade para Whitney ser refinada, transformada, ao se tornar tudo o que o Pai Celestial deseja que ela se torne e conheça seu Redentor e Salvador.”

Élder Johnson discursou em um devocional da BYU–Idaho na terça-feira, 14 de março, no BYU–Idaho Center. Ele falou sobre como encontrar esperança e extrair o poder divino da doutrina de Jesus Cristo.

Um coro de alunos canta “É Tarde, a Noite Logo Vem”, antes de um devocional da BYU–Idaho com Élder Peter M. Johnson, Setenta Autoridade Geral, em 14 de março de 2023.
Um coro de alunos canta “É Tarde, a Noite Logo Vem”, antes de um devocional da BYU–Idaho com Élder Peter M. Johnson, Setenta Autoridade Geral, em 14 de março de 2023. | Michael Lewis, BYU–Idaho

A doutrina de Jesus Cristo

Em um fórum de discussão da BYU–Idaho [em inglês] antes do devocional, Élder Johnson incentivou os participantes a se prepararem lendo 2 Néfi 31. Este capítulo descreve os cinco elementos principais da doutrina de Jesus Cristo: desenvolver fé em Cristo e em Sua Expiação, arrependimento, batismo, receber o dom do Espírito Santo e perseverar até o fim.

“Usar o padrão de instrução do Senhor” de ensinar a verdade, fazer convites e prometer bênçãos, disse Élder Johnson, “nos ajudará a aplicar Sua doutrina de maneira mais consistente e intencional em nossa vida, e nos permitirá ter acesso a Sua Expiação para que possamos ser dotados de poder celestial”.

Como se aplica a doutrina de Cristo? Élder Johnson deu três maneiras: “Tornamo-nos aprendizes engajados, recebemos ordenanças ao fazermos e mantermos nossos convênios, e ministramos individualmente.”

Élder Peter M. Johnson, Setenta Autoridade Geral, lê Doutrina e Convênios 6:21–23, em um devocional da BYU–Idaho no I-Center em Rexburg, Idaho, em 14 de março de 2023.
Élder Peter M. Johnson, Setenta Autoridade Geral, lê Doutrina e Convênios 6:21–23, em um devocional da BYU–Idaho no I-Center em Rexburg, Idaho, em 14 de março de 2023. | Natalia Lopez, BYU–Idaho

Élder Johnson disse que aplicar a doutrina de Cristo “começa por ter fé Nele, acreditar Nele e confiar Nele.”

Um ano depois de ser batizado quando era um jovem adulto, Élder Johnson foi chamado para servir em uma missão. Em seu quarto mês de serviço, as alegações sobre a história da Igreja enfraqueceram seu testemunho, e ele começou a se sentir frustrado e ressentido com Deus.

Seu companheiro expressou seu amor por Élder Johnson, e isto lhe deu coragem para encontrar respostas nas escrituras. Especificamente, em Doutrina e Convênios 6:22: “Se desejas mais um testemunho, volve tua mente para a noite em que clamaste a mim em teu coração a fim de saberes a respeito da veracidade destas coisas.”

Esta escritura, dada por revelação a Oliver Cowdery, lembrou o jovem Élder Johnson de seu próprio testemunho espiritual quando era estudante universitário. Sua fé não apenas foi restaurada, mas também aprofundada, lhe permitindo compartilhar o evangelho com mais fervor com amigos e familiares.

Para aqueles que questionam sua fé por causa das provações, Élder Johnson diz: “Eu os amo. Seja qual for o fio de esperança em que vocês estejam se apegando, seja qual for a desculpa que os mantém próximos a seus convênios, eu lhes imploro: ... aguentem firme. Guardem seus convênios e, com o tempo, vocês, assim como Whitney e assim como eu, reconhecerão Sua graça divina, Seu poder e Seu amor.”

Alunos da BYU–Idaho no I-Center em Rexburg, Idaho, ouvem Élder Peter M. Johnson, Setenta Autoridade Geral, em um devocional no campus.
Alunos da BYU–Idaho no I-Center em Rexburg, Idaho, ouvem Élder Peter M. Johnson, Setenta Autoridade Geral, em um devocional no campus. | Natalia Lopez, BYU–Idaho

Arrependimento

A fé aliada ao arrependimento sincero, disse Élder Johnson, fornece acesso ao poder de Deus.

“Poder para vencer as tentações, poder para perdoar os outros, poder para ver os outros como Deus os vê e poder para vermos a nós mesmos como Deus nos vê. Somos filhos de um amoroso Pai Celestial e possuímos os atributos divinos da Deidade.”

A capacidade de mudar, disse ele, é possível por meio de Cristo. Os sacrifícios do Salvador ,no Jardim do Getsêmani e na cruz do Calvário, “nos permitem, se quisermos, experimentar o dom divino do perdão e receber Sua graça e poder.”

Élder Johnson incentivou os membros da congregação a não terem medo do arrependimento: “Se realmente entendêssemos os elementos do arrependimento, correríamos para ele. É maravilhoso; é necessário; traz alegria. ... Não deixem que Satanás roube de vocês a alegria e o poder divino que podem ter por meio de Jesus ao escolherem se arrepender, escolherem mudar e escolherem se tornar.

O arrependimento é um processo, disse o Setenta Autoridade Geral, para nos tornarmos em tudo que o Pai Celestial deseja que Seus filhos se tornem.

“Ao aplicarmos consistente e intencionalmente a doutrina de Jesus Cristo em nossa vida, posso prometer que vocês terão forças para vencerem as tentações”, disse Élder Peter M. Johnson aos alunos da BYU–Idaho na terça-feira, 14 de março de 2023.
“Ao aplicarmos consistente e intencionalmente a doutrina de Jesus Cristo em nossa vida, posso prometer que vocês terão forças para vencerem as tentações”, disse Élder Peter M. Johnson aos alunos da BYU–Idaho na terça-feira, 14 de março de 2023. | Michael Lewis, BYU–Idaho

Guardar convênios

Os elementos do batismo e recebimento do dom do Espírito Santo na doutrina de Cristo “envolvem recebermos ordenanças, fazermos e guardarmos convênios”, disse Élder Johnson.

Whitney encontrou forças para mudar, ao guardar seus convênios durante as adversidades. Ela foi “dotada de Seu poder divino, que no começo ela nem reconhecia que tinha”, um poder que a capacitou a compreender profundamente que Deus vive e a ama.

“Ao aplicarmos consistente e intencionalmente a doutrina de Jesus Cristo em nossa vida”, disse Élder Johnson, “prometo que vocês terão forças para vencerem as tentações, encontrarão esperança mesmo em meio a desafios e decepções, não ficarão desanimados, sentirão o amor de Deus em sua vida e saberão, meus amigos, que vocês nunca, nunca estão sozinhos.”

NEWSLETTER
Receba destaques do Church News entregues semanalmente na sua caixa de entrada grátis. Digite seu endereço de e-mail abaixo.