Menu
Global

Sua Alteza Xeique Al-Qasimi na RootsTech: O que as abelhas podem nos ensinar sobre harmonia

‘É hora de tornarmos nossa vida doce, cheia de segurança, amizade e amor, e vivermos em harmonia’, disse Sua Alteza Xeique Salem bin Sultan bin Saqr Al-Qasimi durante a RootsTech

Quando criança, Sua Alteza Xeique Salem bin Sultan bin Saqr Al-Qasimi gostava dos momentos quando seu pai trazia para casa, colmeias com favos de mel das montanhas. “Lembro-me de gostar da guloseima deliciosa e de ficar maravilhado por ela ter sido criada pela natureza”, disse ele.

Desde então, ficou fascinado pelas abelhas e pela forma como trabalham em harmonia, coletando néctar e cuidando de sua rainha. O xeique até criou sua própria fazenda de abelhas, o Hatta Honeybee Garden [Jardim de Abelhas Hatta].

“Podemos aprender muito com nossas abelhas, e acredito que nosso mundo pode ser um lugar mais harmonioso, se pudermos ser um pouco mais como elas”, disse ele em uma palestra exclusiva para o público virtual da RootsTech 2023. Um dos principais contribuintes para a sustentabilidade e segurança alimentar nos Emirados Árabes Unidos, o xeique foi um dos principais oradores da conferência anual.

Sua Alteza Xeique Salem bin Sultan bin Saqr Al-Qasimi, durante uma palestra de destaque em vídeo, na RootsTech 2023, em 2 de março de 2023.
Sua Alteza Xeique Salem bin Sultan bin Saqr Al-Qasimi, durante uma palestra de destaque em vídeo, na RootsTech 2023, em 2 de março de 2023. | Captura de tela da FamilySearch.org

“As abelhas se tratam com respeito e se ajudam”, continuou o xeique. “Não é sobre ‘eu’, mas sobre ‘nós’. Sua família é importante e elas honram sua abelha-rainha. As abelhas têm papéis diferentes, mas trabalham juntas em harmonia, reconhecendo que cada membro de sua comunidade tem valor.”

Pode parecer impossível as abelhas sobreviverem e prosperarem no clima desértico dos Emirados Árabes Unidos. Mas a produção de abelhas e mel é uma parte vital da vida e da história da Península Arábica. O xeique explicou: “O mel é historicamente importante para o comércio e para a construção de pontes, como presente entre tribos e famílias.”

Os Emirados Árabes Unidos são um país jovem, formado há cerca de 50 anos. Antes disso, as pessoas viviam em tribos governadas por um reino. “Os recursos eram escassos e desequilibrados”, disse o xeique. “Por gerações, nossos ancestrais tiveram que negociar com outras tribos. Nossa família, a família Al-Quasami, governou o emirado de Ras Al Khaimah e Sharjah.”

Cinquenta anos atrás, o avô do xeique, junto com outros seis líderes dos Emirados, decidiu que unir e trabalhar juntos ajudaria todos a prosperarem. “Hoje, nosso país cresceu e progrediu muito”, disse ele.

"Podemos aprender muito com nossas abelhas, e acredito que nosso mundo pode ser um lugar mais harmonioso, se pudermos ser um pouco mais como elas"

“Continuamos a receber pessoas de todas as nações e crenças, pois acreditamos que são necessárias muitas abelhas para construirmos uma colmeia bem-sucedida”, disse ele. Apenas 11% do país é habitado por moradores locais, e a família dos Emirados Árabes Unidos está em constante expansão. Tudo isto foi possível graças aos seus antepassados.

O xeique disse que encontra “uma grande inspiração em aprender e lembrar de meus ancestrais, o que eles representaram e pelo que trabalharam.”

Ele compartilhou uma história de seu avô, que fundou a primeira escola em Ras Al Khaimah. O avô do xeique era apaixonado pela ideia de seu povo receber educação e “sempre os encorajou e motivou a atingir seu pleno potencial para sua comunidade e país, assim como as abelhas que trabalham para o bem maior”, disse ele.

Mas muitas famílias estavam relutantes em permitirem que seus filhos frequentassem a escola e deixassem seus negócios familiares.

Seu avô pediu para investigar uma das famílias que não queria enviar seus filhos para a escola. O filho desta família foi instruído a dizer que não estava interessado na escola e preferia continuar no comércio da família.

“Meu avô declarou: ‘Se vocês o estão forçando a não ir à escola, então vocês serão repreendidos. Mas se seu filho não quiser ir à escola, ele será reprovado. A decisão é sua.’ O pai entendeu e concordou em mandar o filho para a escola.”

Mais tarde, este pai se tornou um dos vice-ministros do país.

Sua Alteza Xeique Salem bin Sultan bin Saqr Al-Qasimi, durante uma palestra de destaque em um vídeo, publicado na conferência da RootsTech 2023, em 2 de março de 2023.
Sua Alteza Xeique Salem bin Sultan bin Saqr Al-Qasimi, durante uma palestra de destaque em um vídeo, publicado na conferência da RootsTech 2023, em 2 de março de 2023. | Captura de tela da FamilySearch.org

Graças ao trabalho do FamilySearch e de milhares de voluntários, “agora podemos aprender mais sobre nossos antepassados”, disse o xeique. “A tecnologia finalmente chegou para melhorar o armazenamento e a disponibilidade de informações. Muitos registros são antigos e frágeis. Eles devem ser tratados com delicadeza e as informações devem ser preservadas para as próximas gerações.

O FamilySearch também está trabalhando na coleta e preservação de histórias orais. Estas histórias ajudam as pessoas a apreciarem suas linhagens. “Assim como a preservação das abelhas é vital, a preservação dos registros que o FamilySearch está fazendo também é vital”, disse o xeique.

“É hora de tornarmos nossa vida doce, cheia de segurança, amizade e amor e vivermos em harmonia, seja da mesma tribo ou de culturas diferentes, crenças diferentes ou países diferentes, assim como estas lindas abelhas.”

Assista a palestra completa no site do FamilySearch.

NEWSLETTER
Receba destaques do Church News entregues semanalmente na sua caixa de entrada grátis. Digite seu endereço de e-mail abaixo.

Membros do Coro e Orquestra do Tabernáculo aprendem sobre os laços entre os E.U.A. e as Filipinas no Cemitério e Memorial Americano de Manila, entre apresentações e ensaios, durante sua turnê pelas Filipinas. Veja também fotos do ensaio para o concerto de música sacra.

Saiba mais sobre as recentes doações da Igreja para hospitais e organizações de saúde no Camboja, Guam, Mongólia e Filipinas.

O então élder Rendell N. Mabey batizou no mar o fiel pioneiro Billy Johnson, em 1978. Agora, seus respectivos bisneto e neto estão servindo juntos na Missão Acra Gana

Primeira Presidência divulga ilustrações do exterior dos templos de Lone Mountain Nevada, McKinney Texas e Birmingham Inglaterra

A localização do Templo de Vancouver Washington foi divulgada há menos de 5 meses depois que a nova casa do Senhor foi anunciada.

Veja projetos humanitários recentemente realizados na Romênia, Itália, Rússia, Cazaquistão, Belarus e Portugal