Menu

‘Vem, e Segue-Me’ está ajudando santos dos últimos dias a terem experiências ‘transformadoras’ com as escrituras

‘Os santos estão estudando as escrituras como nunca’, diz a presidência geral da Escola Dominical

No início deste outono [no hemisfério norte], o presidente Mark L. Pace, presidente geral da Escola Dominical, se reuniu com os santos dos últimos dias em várias cidades do Brasil e do México. Em frente a congregações de várias centenas de membros da Igreja, ele perguntou se 2022 foi o melhor ano de estudo do Velho Testamento em sua vida.

A resposta foi inconfundível.

“Provavelmente 95% das mãos foram levantadas. Este foi o melhor ano de estudo do Velho Testamento para eles. Estes são santos fiéis”, disse presidente Pace. “Eles tiveram uma experiência profunda ao estudarem as escrituras este ano. (…) Acredito que, na realidade, os santos estão estudando as escrituras como nunca antes o fizeram.”

De acordo com o irmão Milton Camargo, primeiro conselheiro na presidência geral da Escola Dominical, uma mulher santo dos últimos dias do Colorado descreveu como o estudo consistente das escrituras, ao longo de vários meses, abençoou sua família,.

“Ela disse que sua família passou de preocupação para poder, de desafios e provações para libertação, e da influência do adversário para a influência de Deus e do Salvador”, disse o irmão Camargo. “Tudo o que nosso profeta disse que aconteceria se implementássemos o ‘Vem, e Segue-Me.’”

Não apenas no Brasil, México e Colorado, mas em muitos lugares ao redor do mundo, os membros de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias que estudam as escrituras com o currículo “Vem, e Segue-Me” estão tendo experiências “transformadoras” em sua casa, disse o irmão Jan E. Newman, segundo conselheiro na presidência geral da Escola Dominical.

Uma jovem lê as escrituras em Guayaquil, Equador.
Uma jovem lê as escrituras em Guayaquil, Equador. | A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias

“Os membros falam sobre como isso mudou a maneira como veem as escrituras. Eles aprendem mais profunda e plenamente com as escrituras do que jamais aprenderam”, disse o irmão Newman. “Os membros estão tendo essas experiências centralizadas no lar a um nível pessoal, aprendendo e tendo o Espírito Santo para ensiná-los individualmente. Essa, em minha opinião, é a maior bênção que o ‘Vem, e Segue-Me’ trouxe aos membros da Igreja.”

A presidência geral da Escola Dominical expressou sua gratidão e apreço pela humildade e diligência dos santos dos últimos dias, ao continuarem voluntariamente a seguir os ensinamentos dos líderes da Igreja, ao tornarem o estudo das escrituras centralizado no lar, uma parte fundamental do aprendizado do evangelho em sua vida.

Fontes primárias

Quando Presidente Russell M. Nelson fez o chamado para o presidente Pace servir como presidente geral da Escola Dominical, presidente Pace ficou surpreso, mas teve a presença de espírito de fazer uma pergunta essencial: “O que você quer que a presidência da Escola Dominical realize?”

Presidente Nelson sorriu e identificou duas coisas.

“Ajude-nos a aprofundar as escrituras no coração, alma e cerne da vida dos santos dos últimos dias e nos ajude a melhorar o ensino na Igreja”, disse o presidente Pace.

A presidência geral da Escola Dominical enfatizou a importância de tornar as escrituras e a inspiração do Espírito Santo as principais fontes de aprendizado do evangelho.

“Estamos nos regozijando pelo que os santos estão fazendo para tornar essa fonte primária, uma parte cada vez maior de sua devoção e aprendizado do Salvador e de Seu evangelho”, disse o presidente Pace. “As fontes secundárias tem seus propósitos, mas são secundárias. Não devemos confundi-las com as fontes primárias.”

O que nunca vai mudar

Os santos dos últimos dias em breve concluirão o estudo do Velho Testamento e reiniciarão uma rotação das obras padrão com o Novo Testamento e o “Vem, e Segue-Me” para estudo pessoal e familiar em janeiro de 2023. A rotação começou com o Novo Testamento em 2019, seguido pelo Livro de Mórmon em 2020 e Doutrina e Convênios em 2021.

HISTÓRIAS RELACIONADAS
Como ‘Vem, e Segue-me’ está mudando a Igreja, lar por lar

O programa pode não ser mais novo, mas é tão importante agora quanto era há quatro anos, e ainda há lições ilimitadas a serem descobertas nas escrituras, disse o presidente Pace.

“Isto não é mais novidade e estamos prestes a começar o segundo turno”, disse ele. “O que há de novo, o que é sempre novo, é ‘O que o Espírito Santo está me ensinando hoje enquanto estou lendo este capítulo?’ É um esforço diário de nos aproximarmos do Senhor enquanto lemos Sua palavra, e precisamos desesperadamente disso.”

Bênçãos prometidas

Em outubro de 2018, Presidente Nelson declarou que “o novo currículo integrado, centralizado no lar e apoiado pela Igreja, tem o potencial de libertar o poder das famílias, à medida que cada família age de modo consciente e cuidadoso, a fim de transformar o lar num local santificado de fé.”

O profeta também prometeu quatro bênçãos para aqueles que “trabalharem diligentemente para transformar seu lar em um centro de aprendizado do evangelho”:

  • “Com o tempo seu Dia do Senhor será um verdadeiro deleite.”
  • “Seus filhos ficarão entusiasmados para aprender e viver os ensinamentos do Salvador.”
  • “A influência do adversário em sua vida e em seu lar diminuirá.”
  • “As mudanças em sua família serão drásticas e contínuas.”

A presidência geral da Escola Dominical testemunhou o cumprimento dessas bênçãos na vida de muitos santos dos últimos dias.

“Na casa das pessoas, a escuridão está indo embora porque seu lar está sendo preenchido com luz. Esta é a bênção de um esforço para uma experiência diária nas escrituras em família”, disse o presidente Pace, que discursou na conferência geral de abril de 2022 sobre o aprofundamento da conversão por meio do aprendizado do evangelho. “Os santos estão recebendo as bênçãos prometidas por Presidente Nelson. É milagroso."

Os favoritos do Velho Testamento

Cada membro da presidência geral da Escola Dominical relatou algo que aprendeu com seu estudo do Velho Testamento este ano.

Para o irmão Camargo, foi a história de Jó.

“Gostei de saber como Jó passou por suas provações”, disse ele. “Toda vez que lemos o mesmo livro aprendemos algo diferente.... Foi uma experiência muito interessante para mim desta vez.”

O irmão Newman disse que se colocou no lugar dos filhos de Israel mais do que nunca.

“Eles passaram por algumas coisas difíceis, mas com o tempo, o Senhor os redimiu e permitiu que eles entrassem em Sua presença na terra prometida. Foi uma longa jornada”, disse. “Sou muito mais empático com eles do que jamais fui. Acho que os entendo um pouco melhor e os amo mais profundamente do que jamais amei.”

O presidente Pace citou dois exemplos. Primeiro, o Livro de Isaías o ajudou a aprender mais sobre o Salvador. “O livro de Isaías é sobre Jesus Cristo”, disse ele.

Ele também ficou comovido com a história de 2 Reis 23:2-3, onde as pessoas perderam as escrituras e as encontraram novamente enquanto limpavam o templo. O rei se alegrou e leu as escrituras para o povo. Depois de lerem as escrituras, eles fizeram convênios com o Senhor.

“É um doce exemplo da bênção que veio quando eles encontraram as escrituras novamente. Para todos nós, é uma bênção encontrar e reencontrar as escrituras repetidamente em nossa vida”, disse o presidente Pace. “Jamais quero que o Senhor pense que perdi as escrituras em minha vida.”

A presidência geral da Escola Dominical (da esquerda para a direita): Milton Camargo, primeiro conselheiro; Mark L. Pace, presidente; Jan E. Newman, segundo conselheiro.
A presidência geral da Escola Dominical (da esquerda para a direita): Milton Camargo, primeiro conselheiro; Mark L. Pace, presidente; Jan E. Newman, segundo conselheiro. | A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias

Como o ‘Vem, e Segue-me’ está ajudando

Conforme a presidência geral da Escola Dominical viaja pelo mundo, eles ouvem os membros da Igreja comentarem sobre o que gostam no currículo “Vem, e Segue-Me”.

O currículo é do tamanho certo porque um indivíduo ou família pode ir tão profundamente quanto quiser ou, se não tiver muito tempo, pode abranger alguns capítulos ou versículos. E eles apreciam os outros recursos fornecidos, como referências aos discursos da conferência geral, disse o irmão Camargo.

Os membros da Igreja gostam de ter o currículo em seu dispositivo e outros recursos tecnológicos.

“Facilitou muito a nossa vida”, disse o irmão Camargo. “Está tudo lá, basta um clique e você tem a explicação.”

O aprendizado do evangelho centralizado no lar também melhorou a experiência semanal da Igreja, porque mais membros estão indo para as reuniões e aulas, mais bem preparados para discutirem o que aprenderam com as escrituras.

“A experiência da Igreja melhorou dramaticamente. Os membros estão indo à Igreja para compartilharem coisas que aprenderam como nunca [fizeram] antes”, disse o irmão Newman. “Não importa onde você vá à Igreja, você sabe qual é a lição do ‘Vem, e Segue-Me’ e o bloco de escrituras daquela semana. Se você tem um bom professor, as primeiras perguntas que ele deve fazer são: ‘O que você aprendeu em casa esta semana que gostaria de compartilhar?’ e ‘O que o Espírito Santo lhe ensinou esta semana?’ Isso faz com que a experiência na Igreja seja muito superior”.

Sugestões para o ‘Vem, e Segue-me’

Se a presidência geral da Escola Dominical pudesse oferecer uma sugestão aos membros, seria que os irmãos e irmãs ministradores ajudassem outras pessoas a aprenderem como ter experiências de estudo das escrituras em seu lar.

“Estudar as escrituras com o ‘Vem, e Segue-Me’ é uma coisa maravilhosa que os irmãos e irmãs ministradores podem fazer”, disse o presidente Pace. “Pode ser intimidante para aqueles que não foram capazes de começar. Basta se reunir, ler um capítulo e ter uma pequena discussão. Você pode estudar um parágrafo do manual. Ele traz o Espírito de uma maneira maravilhosa e profunda.”

O estudo das escrituras também é espiritualmente aprimorado ao iniciarmos com uma oração e cantarmos um hino, o que agora é fácil com a tecnologia.

“Pergunte: ‘O que o Senhor quer me ensinar?’, ‘O que preciso aprender para melhorar minha vida pessoal e familiar?”, disse o irmão Camargo. “À medida que você começa a estudar as escrituras com essas perguntas em mente, o estudo se torna diferente.”

“As escrituras, um hino, uma oração, tudo ajuda a convidar o Espírito”, disse o presidente Pace.

HISTÓRIA RELACIONADA
Presidência geral da Escola Dominical: 3 maneiras de como se abordar o Velho Testamento e o ‘Vem, e Segue-Me’ 2022
Todo ensino deve ser centrado no Salvador, diz presidência geral da Escola Dominical na Semana da Educação da BYU
NEWSLETTER
Receba destaques do Church News entregues semanalmente na sua caixa de entrada grátis. Digite seu endereço de e-mail abaixo.

Membro da Igreja no Alabama, Mary Helen Allred se sente feliz por poder usar o ServirAgora para continuar um legado de serviço

Estes novos presidentes e diretoras de templo foram chamados para servir pela Primeira Presidência. Eles começarão seu serviço em setembro, ou quando os templos forem dedicados.

“Em um mundo com muitos muros, precisamos continuar construindo pontes”, disse Élder Dieter F. Uchtdorf enquanto estava na fronteira entre os E.U.A. e o México, antes da dedicação do Templo de McAllen Texas.

O Coro e Orquestra do Tabernáculo se apresentarão na Flórida e em Atlanta, Geórgia, em setembro de 2024, como parte da turnê “Hope”.

‘Acredite que Deus conhece suas lutas e enviará milagres’, disse Sarah Jane Weaver, editora executiva do Church News, durante devocional da BYU-Havaí.

Saiba dos detalhes de como assistir ao devocional, quanto tempo durará e como se preparar