Menu

Élder Cook na Semana da Educação da BYU: Prestem atenção às palavras dos Profetas

Em devocional no campus da BYU, Élder Quentin L. Cook exorta os participantes a examinarem o conhecimento secular por meio da doutrina revelada

PROVO, Utah – Quando Élder Quentin L. Cook, do Quórum dos Doze Apóstolos, pensa nos últimos 100 anos da Semana da Educação da BYU, ele vê um padrão, não apenas de aprendizado e instrução, mas também um esforço para edificar a fé em Jesus Cristo.

“Parabenizo cada um de vocês por comparecerem hoje para aprenderem e fortalecerem sua fé. Um Deus onisciente honra seus esforços”, disse Élder Cook ao público reunido no Marriott Center, para o devocional na terça-feira, 16 de agosto.

Começando como Semana da Liderança em 1922, a Semana da Educação agora reúne milhares de pessoas e centenas de instrutores todos os anos no campus da Universidade Brigham Young. Élder Cook observou que o objetivo declarado começou como uma forma de fornecer estímulo e treinamento espiritual e acadêmico aos líderes, principalmente entre a liderança da Igreja.

Ao longo dos anos, o programa mudou para aulas para aprimorar o conhecimento e continuar a educação, e o evento “continuou a progredir, evoluir e melhorar ao longo dos anos. Ele abençoa a vida de muitas pessoas”, disse Élder Cook.

Élder Cook observou que A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias e seus membros têm um compromisso doutrinário com a educação. Estudos indicam que uma alta porcentagem de santos dos últimos dias ativos completou quatro ou mais anos de faculdade, uma porcentagem entre as mais altas de todas as religiões.

Ele citou um estudo da Pew Research Center [Centro de Pesquisas Pew] sobre engajamento religioso e educação [em inglês], que descobriu que os membros da Igreja “com experiência universitária têm taxas de frequência [na Igreja] notavelmente mais altas do que qualquer outro grupo.” Outros membros buscam educação informal e contínua, como a instrução oferecida durante a Semana da Educação.

Conhecimento e humildade 

A doutrina dos santos dos últimos dias enfatiza o papel da inteligência e a importância da educação e do conhecimento, conforme descrito em Doutrina e Convênios 93, que ensina:

1. A verdade é independente. É “o conhecimento das coisas como são, como foram e como serão” (versículo 24).

2. “A glória de Deus é inteligência ou, em outras palavras, luz e verdade.” (versículo 36).

3. Exercer nosso arbítrio para receber “verdade e luz” é essencial (versículo 28).

“Nas doutrinas da Igreja, a fé e a busca do conhecimento não são inconsistentes. Eles são compatíveis e complementares”, disse Élder Cook.

Mas a busca requer humildade, esforço e comprometimento.

“Não podemos esperar ter a fé no centro de nossa vida se todos os nossos esforços forem gastos em conhecimento, esportes, hobbies, ganhar dinheiro ou outras atividades”, explicou ele.

Élder Quentin L. Cook, do Quórum dos Doze Apóstolos de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, conversa com sua esposa, a irmã Mary Cook, antes do devocional na Semana da Educação da BYU em Provo, Utah, na terça-feira, 16 de agosto de 2022.
Élder Quentin L. Cook, do Quórum dos Doze Apóstolos de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, conversa com sua esposa, a irmã Mary Cook, antes do devocional na Semana da Educação da BYU em Provo, Utah, na terça-feira, 16 de agosto de 2022. | Jeffrey D. Allred, Deseret News

‘Prestem atenção às palavras dos Profetas’

Depois de falar sobre o 100º aniversário da Semana da Educação, Élder Cook compartilhou as principais doutrinas dos Profetas modernos da Igreja, ensinadas ao longo do século passado. Ele falou então sobre o tema de seu discurso no devocional: examinar o conhecimento secular através das lentes da doutrina revelada.

O Senhor sempre admoestou Seu povo a guardar Seus mandamentos e seguir os profetas. Sempre houve oposição em todas as coisas.

Porém, Élder Cook disse: “A principal diferença em nossos dias é que os céticos do ‘grande e espaçoso edifício’ são mais barulhentos, mais contenciosos e menos tolerantes do que em qualquer outro momento da minha vida.”

No passado, a grande maioria das pessoas entendia que seriam julgadas pela obediência aos mandamentos de Deus, não pelos pontos de vista ou filosofias da época.

“Neste mundo intenso, alimentado pelas redes sociais, muitos parecem mais preocupados em serem ridicularizados do que em serem julgados por Deus. Muitas pessoas erroneamente concluem que não existe um padrão moral e justo ao qual todas as pessoas devam aderir”, disse Élder Cook.

Ele enfatizou a doutrina e as iniciativas que foram fornecidas por alguns dos Presidentes da Igreja nos últimos 100 anos.

Élder Quentin L. Cook, do Quórum dos Doze Apóstolos de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, fala no devocional da Semana da Educação da BYU em Provo, Utah, na terça-feira, 16 de agosto de 2022.
Élder Quentin L. Cook, do Quórum dos Doze Apóstolos de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, fala no devocional da Semana da Educação da BYU em Provo, Utah, na terça-feira, 16 de agosto de 2022. | BYU Photo

“A doutrina que escolhi é significativa, pois fornece imunidade para proteger contra desafios e males específicos, não apenas para os tempos em que as revelações foram recebidas, mas também para proteger as gerações futuras”, disse Élder Cook, acrescentando que os ensinamentos também fornecem uma imunidade para eventos futuros que possam afetar seriamente os membros da Igreja.

Ele escolheu uma característica doutrinária, ou ensinamento, de cinco profetas que serviram por 10 anos ou mais, além de Presidente Russell M. Nelson. Ele incluiu doutrinas que enfatizam seguir a Palavra de Sabedoria, fortalecer a família, a revelação sobre o sacerdócio, a proclamação da família, ministrar e tornar os lares santuários da fé.

Os ensinamentos foram relevantes e importantes quando foram ensinados, mas também fornecem proteção e imunidade para as pessoas hoje.

A Palavra de Sabedoria

Presidente Heber J. Grant, que presidiu a Igreja de 1918 a 1945, enfatizou continuamente o princípio da Palavra de Sabedoria. Na época, o marketing de massa e a indústria cinematográfica em desenvolvimento glorificavam o uso de cigarros e álcool, o que levou a um aumento no consumo.

Levou décadas para que cientistas e médicos avaliassem e reconhecessem os riscos à saúde, e os dados agora mostram continuamente os perigos do tabagismo e os efeitos prejudiciais do álcool [em inglês].

“Evitar cigarros e álcool é um excelente exemplo de orientação profética que precede a educação e a compreensão científica dos impactos nocivos significativos do fumo e do consumo de álcool”, disse Élder Cook.

Fortalecer a família 

Presidente David O. McKay, que foi presidente da Igreja de 1951 a 1970, reinstituiu a noite familiar e incentivou as famílias a reservarem tempo para a observância religiosa em casa.

Élder Cook disse que Presidente McKay expressou preocupação em concentrar esforços justos para abençoar as famílias, em um momento em que era muito importante, mas a necessidade de construir famílias fortes aumentou e se tornará ainda mais importante no futuro.

Revelação sobre o sacerdócio

Presidente Spencer W. Kimball, presidente da Igreja de 1973 a 1985, recebeu a revelação sobre o sacerdócio em 1978.

Élder Cook disse que é grato pelo Senhor ter deixado bem claro a Presidente Kimball o que deveria ser feito. “Não se pode dizer o suficiente sobre esta revelação sobre o sacerdócio, que abençoou e protegeu tanto as pessoas quanto a Igreja. É ainda mais importante hoje do que quando foi recebida.”

Élder Quentin L. Cook, do Quórum dos Doze Apóstolos de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, e sua esposa, a irmã Mary Cook, entram no Marriott Center para o devocional da Semana da Educação da BYU em Provo, Utah, na terça-feira, 16 de agosto de 2022.
Élder Quentin L. Cook, do Quórum dos Doze Apóstolos de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, e sua esposa, a irmã Mary Cook, entram no Marriott Center para o devocional da Semana da Educação da BYU em Provo, Utah, na terça-feira, 16 de agosto de 2022. | Jeffrey D. Allred, Deseret News

A proclamação da família

Presidente Gordon B. Hinckley, que presidiu a Igreja de 1995 a 2008, nos deu “A Família: Proclamação ao Mundo.”

Na introdução da proclamação, Presidente Hinckley falou sobre a necessidade de “advertir e prevenir.” O documento, para a Igreja e para o mundo, é “uma declaração e reafirmação de padrões, doutrinas e práticas relativas à família, que os profetas, videntes e reveladores desta igreja declararam repetidamente ao longo de sua história.”

Ministração

Presidente Thomas S. Monson, Presidente da Igreja de 2009 a 2018, sentiu fortemente a necessidade de se servir e ministrar uns aos outros. Ele ensinou e foi um exemplo de “ir ao resgate”, disse Élder Cook, que compartilhou várias histórias da vida de Presidente Monson sobre o assunto.

“Não acredito que a transição de mestres familiares e professoras visitantes para a ministração pudesse ter ocorrido de forma tão eficaz como ocorreu, sem o exemplo cristão de Presidente Thomas S. Monson”, disse Élder Cook.

Faça do lar um local santificado de fé 

Presidente Nelson começou a servir como profeta em janeiro de 2018. Na conferência geral de outubro de 2018, Presidente Nelson anunciou mudanças para um novo currículo integrado centrado no lar e apoiado pela Igreja.

Isto “tem o potencial de estimular o poder das famílias, à medida que cada família age de modo consciente e cuidadoso, a fim de transformar o lar em um local santificado de fé”, disse Presidente Nelson.

Élder Cook disse que a imunidade e a proteção desta prática podem estar entre as mais importantes dos últimos 100 anos. Ele disse que as gerações futuras serão abençoadas por esta revelação, e ela ajudará a edificar a fé em Jesus Cristo.

Concluindo, Élder Cook novamente disse ao público que prestassem atenção às palavras dos profetas.

“Estas declarações proféticas que abordei forneceram e fornecerão imunidade e proteção no futuro, a fim de permitirem que os membros estejam no mundo, mas não sejam do mundo, e prepará-los para a Segunda Vinda do Salvador.”

Poder em se seguir os Profetas

Gilbert e Deanna Pond, de Meridian, Idaho, assistiram ao devocional e observaram a veracidade das palavras de Élder Cook, por terem vivido durante o tempo de muitos dos profetas que ele citou.

“Há poder em se seguir os Profetas”, disse Gilbert Pond. “Se você não consegue compreender, então ore a respeito, e o Senhor testemunhará isto para você.”

A nora do casal, Jennifer Pond, de Lake Stevens, Washington, disse que ouviu de Élder Cook que, fazer do lar um santuário de fé, será o conselho mais importante para os próximos 100 anos. 

E Kristy Bockholt, de Eagle Mountain, Utah, disse que sabe que estudar o “Vem, e Segue-me” fará de sua casa um lugar seguro para sua família e seus filhos.

“Olhando para o futuro, é nisto que precisamos trabalhar”, disse ela.

NEWSLETTER
Receba destaques do Church News entregues semanalmente na sua caixa de entrada grátis. Digite seu endereço de e-mail abaixo.

Milhares de pessoas ouvem mensagens de Élder David A. Bednar e de Élder Patrick Kearon durante seu ministério na Nigéria, Gana, Libéria e Costa do Marfim

O que as cantoras Lea Salonga e Ysabelle Cuevas e as personalidades da TV Suzi Entrata-Abrera e Paolo Abrera, disseram sobre se apresentar com o Coro do Tabernáculo na Arena MoA esta semana

O ministério de nove dias de Élder Neil L. Andersen nas Filipinas incluiu uma visita guiada com os jovens ao Templo de Alabang Filipinas, distribuição de cadeiras de rodas, celebrações de doações da iniciativa Seja a Luz do Mundo e reuniões com membros e missionários

As experiências compartilhadas criam “inclusão em uma comunidade global de irmãs da Sociedade de Socorro”, disse a presidente Camille N. Johnson.

Anúncios de estacas novas e reorganizadas ao redor do mundo

Durante o concerto de música sacra do Coro e Orquestra do Tabernáculo, em uma universidade católica centenária nas Filipinas, quatro jovens de diferentes origens religiosas compartilharam como a oração os ajuda.