Menu

Saiba um pouco mais sobre a nova presidência geral das Moças

Chamadas durante a conferência geral de abril de 2023, a presidente Freeman, a irmã Runia e a irmã Spannaus começarão a servir em 1º de agosto

Uma nova presidência geral das Moças de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias foi apoiada no sábado, 1º de abril, como parte da conferência geral de abril de 2023.

A nova presidência, junto com cinco novos Setentas Autoridades Gerais e novos conselheiros na presidência geral dos Rapazes, fez parte do apoio a todos os líderes da Igreja apresentados por Presidente Dallin H. Oaks, primeiro conselheiro na Primeira Presidência, de sessão da tarde de sábado da conferência.

A atual presidência geral das Moças, presidente Bonnie H. Cordon; irmã Michelle D. Craig, primeira conselheira; e a irmã Rebecca L. Craven, segunda conselheira, continuará a servir até o fim de julho.

A seguir, uma breve biografia de cada membro da presidência geral das Moças, que iniciará seu serviço em 1º de agosto. Um perfil mais detalhado de cada líder será publicado nas próximas semanas.

Presidente Emily Belle Freeman

A recém chamada presidente geral das Moças, Emily Belle Freeman, e seu marido, o irmão Greg Freeman, posam para fotos no Edifício de Escritórios da Igreja em Salt Lake City na segunda-feira, 3 de abril de 2023.
A recém chamada presidente geral das Moças, Emily Belle Freeman, e seu marido, o irmão Greg Freeman, posam para fotos no Edifício de Escritórios da Igreja em Salt Lake City na segunda-feira, 3 de abril de 2023. | Scott G Winterton, Deseret News

Muitas pessoas já podem estar familiarizadas com Emily Belle Freeman como palestrante, autora, podcaster e professora. Mas para aqueles que não a conhecem, e para aqueles que a conhecem, a presidente Freeman espera que a primeira coisa que entendam é que ela tem uma crença profunda e permanente em Jesus Cristo.

“Foi por meio de experiências pessoais com Ele que vim a conhecer o Pai Celestial e recebi revelação”, disse ela. “Esse tem sido o fator decisivo em minha vida: esse companheirismo com Ele por toda a vida.”

Ao começar seu trabalho como autora e podcaster, ela se perguntou qual seria seu foco, e a resposta foi testificar de Jesus Cristo e Sua Expiação.

Ela nasceu em 31 de dezembro de 1969, em Boston, Massachusetts, enquanto seu pai, McKinley McVichie Oswald, frequentava a Universidade de Harvard. A presidente Freeman disse que sua mãe, Leslie James Oswald, fazia parte de uma linhagem de mulheres “com muita energia e muito amor.”

Tendo crescido em Sandy, Utah, como a mais velha de seis filhos, a vida da presidente Freeman mudou durante seu último ano do ensino médio, quando seus pais foram chamados como líderes da Missão Califórnia Ventura. Os filhos participavam de todas as conferências de missão, zona e estaca com seus pais. Após a formatura do ensino médio, a presidente Freeman deixou a Califórnia e ingressou na Universidade Brigham Young.

Gregory Garth Freeman estava servindo como missionário naquela missão. Quando ele voltou para casa em Bountiful, Utah, seus líderes de missão pediram que ele fosse assistir à sua filha em uma de suas palestras em Utah. Eles começaram a namorar logo depois e se casaram em 19 de dezembro de 1989, no Templo de Los Angeles Califórnia. Eles têm cinco filhos.

A presidente Freeman escreveu mais de uma dúzia de livros e falou em várias conferências, oficinas e reuniões. Ela ensinou por muitos anos no Sistema Educacional da Igreja, e serviu como professora de doutrina do evangelho e presidente das Moças e da Sociedade de Socorro em sua ala.

Embora seu novo papel como presidente geral das Moças possa exigir que ela se afaste ou suspenda alguns de seus projetos públicos atuais, como aconteceu com outras pessoas que aceitaram chamados semelhantes, a presidente Freeman planeja continuar com todos os seus compromissos profissionais até 1º de agosto.

Irmã Tamara W. Runia

A irmã Tamara W. Runia, primeira conselheira na recém chamada presidência geral das Moças, e seu marido, o irmão Scott Runia, posam para fotos Edifício de Escritórios da Igreja em Salt Lake City na segunda-feira, 3 de abril de 2023.
A irmã Tamara W. Runia, primeira conselheira na recém chamada presidência geral das Moças, e seu marido, o irmão Scott Runia, posam para fotos Edifício de Escritórios da Igreja em Salt Lake City na segunda-feira, 3 de abril de 2023. | Scott G Winterton, Deseret News

Ao longo de sua vida, a irmã Tamara W. Runia teve vários chamados: instrutora de estudo das escrituras da estaca, conselheira na presidência da Sociedade de Socorro da estaca, líder da Missão Austrália Sydney, mas a maior parte de seu serviço foi dedicado às Moças.

“Adorei todos os chamados em que servi …, mas devo dizer que me sinto em casa com as Moças”, disse ela.

A irmã Runia disse que já esteve no acampamento das Moças mais de 20 vezes. Um ano, ela foi até convidada a comparecer como a “líder de torcida do acampamento.”

Ela quer que todas as moças saibam o quanto o Pai Celestial as ama.

Esse amor é “vasto como o céu, profundo como o oceano”, disse ela, observando que Ele “quer todas elas de volta para casa.”

Sentindo que essa conexão mudará vidas, ela acrescentou: “porque tem sido assim para mim.”

A irmã Runia nasceu em 2 de março de 1961, em Concord, Califórnia, filha de Vincent Alma Wood e Gail Hilton Wood. Ela cresceu em Walnut Creek, Califórnia.

Ela era uma caloura na Universidade Brigham Young, estudando Jornalismo de Radiodifusão, quando conheceu seu marido, R. Scott Runia. Eles se casaram em 23 de maio de 1981, no Templo de Oakland Califórnia e têm sete filhos. Atualmente eles moram em Provo, Utah.

Ela foi apoiada em 1º de abril como primeira conselheira na presidência geral das Moças e iniciará seu serviço em 1º de agosto.

Além de seus outros chamados, a irmã Runia serviu como presidente das Moças da estaca. Ela também passou 20 anos no conselho da Food & Care Coalition em Provo.

Irmã Andrea Muñoz Spannaus

A irmã Andrea Muñoz Spannaus, segunda conselheira na recém chamada presidência geral das Moças, e seu marido, o irmão Alin Spannaus, posam para fotos no Edifício de Escritórios da Igreja em Salt Lake City na segunda-feira, 3 de abril de 2023.
A irmã Andrea Muñoz Spannaus, segunda conselheira na recém chamada presidência geral das Moças, e seu marido, o irmão Alin Spannaus, posam para fotos no Edifício de Escritórios da Igreja em Salt Lake City na segunda-feira, 3 de abril de 2023. | Scott G Winterton, Deseret News

Andrea Veronica Muñoz tinha 9 anos quando os missionários santos dos últimos dias começaram a ensinar sua família sobre o evangelho restaurado.

Morando na Argentina, ela e sua irmã mais velha frequentaram uma escola católica. Eles nunca haviam sido expostos a outros ensinamentos religiosos.

Logo depois que os missionários concluíram a lição e partiram, sua mãe explicou que havia mais de uma religião.

“Lembro-me exatamente do momento. Estávamos na cozinha. Estávamos de pé”, disse ela.

Ela perguntou à mãe que igreja ela achava que representava Deus. Sua mãe respondeu: “Acho que é esta”, a Igreja sobre a qual os missionários estavam ensinando, A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias.

Durante toda a sua vida, Andrea sempre “quis agradar a Deus”, e se preocupava em abraçar uma nova fé.

No entanto, a sensação durou apenas alguns minutos, sendo substituída por um desejo de seguir em frente.

A família foi batizada, “e começamos uma nova vida”, disse ela. “Foi realmente maravilhoso o modo como nossa vida familiar mudou todos nós.”

Andrea Veronica Muñoz Spannaus nasceu em 18 de maio de 1968, em Buenos Aires, Argentina, filha de Carlos Alberto Muñoz e Elida Menicucci, e cresceu em Beccar, Argentina. Ela se casou com Alin Spannaus no Templo de Buenos Aires Argentina em 22 de outubro de 1992. Eles têm duas filhas e moram em North Salt Lake.

A irmã Spannaus se formou em Educação Infantil e estudou Arte e Design de Interiores. Atualmente, ela está servindo no conselho consultivo geral da Sociedade de Socorro. Anteriormente, ela serviu no Comitê das Conferências FSY da Área América do Sul Sul, no Comitê da Conferência Latina da FSY Utah e líder da Missão México Cuernavaca com seu marido. Ela também serviu como presidente da Sociedade de Socorro, das Moças e da Primária da ala, professora do Seminário, consultora da ala de Jovens Adultos Solteiros de língua espanhola e missionária na Missão Argentina Resistencia.

NEWSLETTER
Receba destaques do Church News entregues semanalmente na sua caixa de entrada grátis. Digite seu endereço de e-mail abaixo.

Milhares de pessoas ouvem mensagens de Élder David A. Bednar e de Élder Patrick Kearon durante seu ministério na Nigéria, Gana, Libéria e Costa do Marfim

O que as cantoras Lea Salonga e Ysabelle Cuevas e as personalidades da TV Suzi Entrata-Abrera e Paolo Abrera, disseram sobre se apresentar com o Coro do Tabernáculo na Arena MoA esta semana

O ministério de nove dias de Élder Neil L. Andersen nas Filipinas incluiu uma visita guiada com os jovens ao Templo de Alabang Filipinas, distribuição de cadeiras de rodas, celebrações de doações da iniciativa Seja a Luz do Mundo e reuniões com membros e missionários

As experiências compartilhadas criam “inclusão em uma comunidade global de irmãs da Sociedade de Socorro”, disse a presidente Camille N. Johnson.

Anúncios de estacas novas e reorganizadas ao redor do mundo

Durante o concerto de música sacra do Coro e Orquestra do Tabernáculo, em uma universidade católica centenária nas Filipinas, quatro jovens de diferentes origens religiosas compartilharam como a oração os ajuda.