Menu

Irmãs Craven e Yee participam da casa aberta do Templo de Quito Equador

Milhares de pessoas visitaram o templo de Quito antes da dedicação, incluindo membros do governo local e líderes religiosos

Quando no dia 28 de outubro, a irmã Rebecca L. Craven chegou a Quito, Equador, e virou uma esquina na rua para chegar ao hotel, logo viu ao lado da rodovia o novo Templo de Quito Equador todo iluminado.

“Sei que todas as luzes vinham de fora, iluminando o templo, mas parecia que uma luz vinha dele”, disse a segunda conselheira da presidência geral das Moças em entrevista à Sala de Imprensa da Igreja no Equador [em espanhol].

Ela comparou o brilho da luz do templo com sua imagem no medalhão das Moças, que simbolicamente convida as moças a lembrarem que fazem parte do grande trabalho referente à coligação de Israel em ambos os lados do véu.

Para a irmã Craven, o templo a ajuda lembrar de que ela é uma filha de Deus, e ela convidou cada uma das moças a terem esta verdade implantada em seu coração.

A irmã Craven e a irmã Kristin M. Yee, segunda conselheira na presidência geral da Sociedade de Socorro de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, estavam no Equador para se reunirem e ministrarem aos membros da Igreja.

Da esquerda para a direita, em frente ao Templo de Quito Equador, em 29 de outubro de 2022: irmão Ronald C. Craven e irmã Rebecca L. Craven, segunda conselheira na presidência geral das Moças; irmã Kristin M. Yee, segunda conselheira na presidência geral da Sociedade de Socorro; irmã Debbie Becerra e Élder Jorge T. Becerra, primeiro conselheiro na Área América do Sul Noroeste.
Da esquerda para a direita, em frente ao Templo de Quito Equador, em 29 de outubro de 2022: irmão Ronald C. Craven e irmã Rebecca L. Craven, segunda conselheira na presidência geral das Moças; irmã Kristin M. Yee, segunda conselheira na presidência geral da Sociedade de Socorro; irmã Debbie Becerra e Élder Jorge T. Becerra, primeiro conselheiro na Área América do Sul Noroeste. | A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias

No sábado, 29 de outubro, a irmã Yee e a irmã Craven participaram da casa aberta do templo, ao lado de Élder Jorge T. Becerra, primeiro conselheiro na Área América do Sul Noroeste, e sua esposa, a irmã Debbie Becerra.

A irmã Yee comentou sobre o belo espírito que sentiu dentro do prédio e a beleza das pinturas de Jesus Cristo. Ela disse que tudo o que se vê, dentro e fora do templo, convida o espectador a refletir sobre a Criação, já que esta é um reflexo do Criador.

Na entrevista com a Sala de Imprensa, a irmã Yee também disse que sentiu que, devido à grande fé dos santos equatorianos, seus antepassados, que estavam esperando as ordenanças do outro lado do véu, receberão muitos milagres.

A irmã Yee e a irmã Craven puderam visitar o templo de Quito no último dia da casa aberta. O edifício será dedicado no domingo, 20 de novembro, e Élder Quentin L. Cook, do Quórum dos Doze Apóstolos, presidirá a dedicação.

A casa aberta do Templo de Quito Equador

Filas se formam sob as tendas brancas montadas para a casa aberta do Templo de Quito Equador, que ocorreu de 14 a 29 de outubro de 2022.
Filas se formam sob as tendas brancas montadas para a casa aberta do Templo de Quito Equador, que ocorreu de 14 a 29 de outubro de 2022. | A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias

A Sala de Imprensa informou [em espanhol] que mais de 50.000 pessoas visitaram o templo durante a casa aberta desde que começou em 14 de outubro, muitas vezes formando longas filas para entrar. Ao final, muitos permaneceram para passear e desfrutar dos jardins com sua família e amigos

A oportunidade de visitar o templo pela primeira vez foi maravilhosa, disse Patricia Palacios, que conhece a Igreja por meio de sua professora. Ela disse à Sala de Imprensa que foi muito impressionante ver a pia batismal e reconhecer a importância de se conectar as famílias por gerações e por toda a eternidade.

Xiomara Mero viajou para Quito para participar da casa aberta. Ela expressou sua admiração pela beleza dos salões e pelo significado das cerimônias que ali são realizadas.

Nos dias 12 e 13 de outubro, líderes do governo, representantes diplomáticos e outros convidados visitaram o templo de Quito, informou a Sala de Imprensa da Igreja [em espanhol].

Uma família participa da casa aberta do Templo de Quito Equador. Adultos, crianças, membros de diferentes religiões, líderes políticos e muitos outros visitaram o templo de 14 a 29 de outubro de 2022.
Uma família participa da casa aberta do Templo de Quito Equador. Adultos, crianças, membros de diferentes religiões, líderes políticos e muitos outros visitaram o templo de 14 a 29 de outubro de 2022. | A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias

Entre os que compareceram estava Santiago Guarderas Izquierdo, o prefeito de Quito. Ele comentou sobre os belos acabamentos e obras de arte dentro do templo, incluindo fotos da Reserva Geobotânica Pululahua e do vulcão Chimborazo. A temática local de flores e palmeiras é exibida nos vitrais, feitos em Cuenca.

Cristina Reyes Hidalgo, uma política local, disse que a casa aberta a ajudou a entender mais sobre o simbolismo e as cerimônias dentro do templo. Ela também valorizou a mensagem que o templo denota sobre as famílias eternas e o amor de Jesus Cristo.

Membros de outras religiões também visitaram o templo, incluindo a Igreja Católica, a comunidade muçulmana, ortodoxa, gnóstica, batista e a comunidade bahai. Membros da imprensa e do setor privado também participaram.

Sobre o Templo de Quito Equador

Filas se formam sob as tendas brancas montadas para a casa aberta do Templo de Quito Equador, que ocorreu de 14 a 29 de outubro de 2022.
Filas se formam sob as tendas brancas montadas para a casa aberta do Templo de Quito Equador, que ocorreu de 14 a 29 de outubro de 2022. | A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias

O Templo de Quito Equador, o segundo no país, servirá aos santos dos últimos dias em Quito, Otavalo, Ambato, Santo Domingo e outras áreas da região.

O templo foi anunciado por Presidente Thomas S. Monson, na conferência geral de abril de 2016. A abertura de terra foi realizada em 11 de maio de 2019 [em inglês].

Élder Hugo Montoya, Setenta Autoridade Geral, que na época era conselheiro na presidência da Área América do Sul Noroeste, disse na abertura de terra: “Como membros, apoiamos uns aos outros para servirmos os cidadãos deste país. O templo será um refúgio. Não devemos ficar angustiados, apesar de nossos problemas. Se pudermos estar em um lugar seguro, este lugar é o templo.”

O site templodequito.org [em espanhol] apresenta o horário de funcionamento da casa aberta, um mapa da localização do templo, um tour virtual [em espanhol] pelos arredores do templo e um vídeo explicando o propósito dos templos.

A última casa aberta de um templo no Equador aconteceu em 1999, quando o Templo de Guayaquil Equador foi concluído. Há mais de 250.000 membros da Igreja no Equador distribuídos em mais de 300 congregações.

NEWSLETTER
Receba destaques do Church News entregues semanalmente na sua caixa de entrada grátis. Digite seu endereço de e-mail abaixo.