Menu

‘Água limpa é um presente’: Igreja ajuda com projetos de água em Ruanda

A Igreja e a Water for People estão trabalhando juntas para auxiliarem as pessoas a terem acesso à água potável em suas comunidades

Lilian e outras pessoas em sua comunidade no distrito de Gicumbi, em Ruanda, perdiam horas todos os dias caminhando para buscarem água para suas tarefas diárias.

“Acordávamos muito cedo para buscarmos água”, conta Lilian, cujo sobrenome não foi divulgado. “A água era de pântanos e havia muitas doenças, como a febre tifoide, causadas pelo uso dessa água suja.”

A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias e a organização Water for People [em inglês] estão trabalhando com o governo de Ruanda para instalarem sistemas de água no distrito de Gicumbi.

Uma torneira foi instalada recentemente no meio da comunidade onde Lilian reside.

“Quando as pessoas vieram nos contar sobre o projeto de água, não acreditávamos que iria acontecer, até que vimos pessoas realmente construindo o sistema de água”, disse ela. “Agora temos água a poucos metros de nossas casas.”

Paisagem em Ruanda.
Paisagem em Ruanda. | Water for People

A Water For People é uma organização global sem fins lucrativos, que trabalha em todo o mundo para equipar as comunidades com acesso duradouro a serviços de água potável e saneamento. Seu lema é “Everyone Forever” [Todos para sempre].

“Quando dizemos todos, queremos dizer todas as famílias, escolas e clínicas de saúde”, disse Kelly Honecker, uma das diretoras da Water for People. “E para sempre são todas as outras peças para garantirmos que o acesso aos serviços de água e saneamento continuem, muito depois da intervenção da Water For People e sem outros serviços de apoio.”

Honecker disse que a Igreja e a Water For People começaram a trabalhar juntas em 2014, para melhorarem os serviços de água, saneamento e higiene em nove países. Assistência financeira significativa e visibilidade para a Water for People também vieram por meio de máquinas de doações nos E.U.A.

“Água limpa é um presente”, disse Honecker. “Para famílias e crianças, proporciona tempo para estudar, ganhar dinheiro ou brincar. Proporciona saúde sem mais doenças transmitidas pela água. Dá prosperidade para que as famílias possam investir em seu futuro.”

A Organização Mundial da Saúde e o UNICEF relatam que, em Ruanda, 60% dos ruandeses têm acesso a serviços básicos ou melhorados de água, e 69% têm acesso a pelo menos instalações de saneamento básico. A diarreia transmitida pela água é a terceira principal causa de morte em crianças menores de 5 anos [em inglês] e é uma causa comum de desnutrição.

Quando não há água potável por perto, mulheres e crianças precisam caminhar longas distâncias, às vezes quilômetros, para encontrarem água e carregá-la para casa em latas pesadas. Então, grande parte da água deve ser fervida ou filtrada para se evitar doenças.

Uma mulher enche galões com água, em uma torneira comunitária de sua comunidade em Ruanda. A organização Water for People e A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias trabalham juntas desde 2014, tendo a Water for People iniciado seu trabalho no distrito de Gicumbi, Ruanda, em 2016.
Uma mulher enche galões com água, em uma torneira comunitária de sua comunidade em Ruanda. A organização Water for People e A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias trabalham juntas desde 2014, tendo a Water for People iniciado seu trabalho no distrito de Gicumbi, Ruanda, em 2016. | Water for People

Desde 2016, a Water for People trabalha em conjunto com comunidades e aldeias locais para melhorarem o acesso à água e saneamento para quase 500.000 pessoas, no distrito de Gicumbi. Ao longo dos anos, Honecker disse que o nível de serviço de água melhorou de 47% para 84%.

“Construímos sistemas de canalização novos ou reabilitados em comunidades, com múltiplas torneiras. Em escolas e clínicas, adicionamos ou reabilitamos sistemas de água, instalamos sistemas de coleta de água da chuva, estações para lavarem as mãos e instalações sanitárias privadas e acessíveis”, disse Honecker.

Além de construir sistemas, a organização fortalece a capacidade do distrito e da comunidade para gerenciar seus próprios sistemas ao longo do tempo. Isto está de acordo com a prioridade da Igreja em desenvolver autossuficiência.

À medida que a Water for People e a Igreja continuam este trabalho em Ruanda, as comunidades não apenas poderão depender de água confiável, mas também terão a capacidade de garantir que o saneamento seja administrado com segurança e a água flua por muito tempo depois que os trabalhadores partirem.

Quando a nova torneira foi instalada na comunidade de Lilian, ela disse: “Foi como um sonho para nós.”

Lilian tem um novo emprego como a vendedora de água na torneira. Com sua nova renda, ela conseguiu comprar gado para criar.

“Meu sonho é começar um negócio de verdade e sei que um dia chegarei lá”, disse ela. “O dinheiro que ganho com a venda de água é um primeiro passo.”

Uma criança bebe água de uma torneira em Ruanda. A Water for People e A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias trabalham juntas desde 2014, tendo a Water for People iniciado seu trabalho no distrito de Gicumbi, Ruanda, em 2016.
Uma criança bebe água de uma torneira em Ruanda. A Water for People e A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias trabalham juntas desde 2014, tendo a Water for People iniciado seu trabalho no distrito de Gicumbi, Ruanda, em 2016. | Water for People
HISTÓRIA RELACIONADA
Potável, segura e confiável: Como vilarejo em Uganda restaurou sua fonte de água
Igreja ajuda a levar água potável a famílias na Polinésia Francesa
Igreja ajuda a desenvolver novo sistema de água potável no Panamá
Igreja trabalha para fornecer água potável no Tajiquistão
NEWSLETTER
Receba destaques do Church News entregues semanalmente na sua caixa de entrada grátis. Digite seu endereço de e-mail abaixo.

Com sua habilidade de entrar em lugares que outros não conseguiam, Marcos ganhou o carinhoso apelido de la Pulga, espanhol para ‘A Pulga’. Sua história é a de se estar no lugar certo na hora certa, observa Lloyd Newell em “Música e Palavras de Inspiração” desta semana com o Coro do Tabernáculo na Praça do Templo.

Professores podem agora registrar a frequência às aulas por meio do aplicativo Ferramentas do Membro.

Estes novos presidentes de missão e respectivas companheiras foram chamados a servir pela Primeira Presidência. Eles começarão seu serviço em julho.

A turnê do Coro do Tabernáculo pelas Filipinas começa com jovens apresentando danças tradicionais. Esta é a segunda parada da turnê “Hope” e a primeira vez do coro nas Filipinas.

Neste vídeo do Church News, “O êxodo de Nauvoo”, líderes e membros na histórica Nauvoo, Illinois, homenagearam os primeiros membros da Igreja, enquanto caminhavam cerca de dois quilômetro pela Parley Street, indo até o rio Mississippi.

Membro da Igreja no Alabama, Mary Helen Allred se sente feliz por poder usar o ServirAgora para continuar um legado de serviço